Parlamento europeu declara emergência climática

Membros do Parlamento Europeu participam de votação durante uma sessão plenária, na cidade francesa de Estrasburgo

O Parlamento Europeu declarou nesta quinta-feira a urgência climática e ambiental, uma votação simbólica para pressionar os líderes da UE antes da COP25 sobre o clima e a chegada de um novo executivo europeu.

A resolução, adotada por uma grande maioria (429 votos a favor, 225 contra e 19 abstenções) confirma o compromisso do parlamento de "limitar o aquecimento global do planeta a 1,5 ° C e, assim, evitar uma perda maciça de biodiversidade".

A votação é semelhante a de outros parlamentos de países da UE, como França, Reino Unido ou Áustria.

"O fato de a Europa ser o primeiro continente a declarar urgência climática e ambiental ... é uma forte mensagem enviada aos seus cidadãos e ao resto do mundo", disse Pascal Canfin (Renovar a Europa, centro e liberais), a Presidente da comissão ambiental do Parlamento Europeu.