Parlamento de Israel aprova Orçamento de 2022

  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.
·1 min de leitura
Primeiro-ministro de Israel, Naftali Bennett, durante reunião de gabinete em Jerusalém
Neste artigo:
  • Opa!
    Algo deu errado.
    Tente novamente mais tarde.

JERUSÁLEM (Reuters) - O Parlamento de Israel aprovou nesta sexta-feira o Orçamento nacional para 2022 por uma votação de 59 a 56, dando uma medida maior de estabilidade fiscal ao governo de coalizão interpartidária do primeiro-ministro Naftali Bennett.

O pacote de gastos de 146 bilhões de dólares foi ratificado depois que o Knesset aprovou na quinta-feira um Orçamento de 2021 atrasado antes de um prazo que, se não cumprido, poderia ter desencadeado uma eleição antecipada.

"Colocamos Israel de volta nos trilhos", disse Bennett no Twitter.

Um impasse político no governo de seu antecessor, Benjamin Netanyahu, significou que nenhum Orçamento foi aprovado em mais de três anos e meio. Em vez disso, Israel tinha uma versão rateada do orçamento de 2019, um obstáculo ao planejamento econômico de longo prazo.

(Por Dan Williams)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos