Participante de 'Túnel do amor' é expulso por caso de assédio

O último episódio de "Túnel do amor" marcou a entrada de uma nova dupla: Allan Bonne e Leonardo Kaefer. E o primeiro já teve uma estadia ainda mais curta, pois acabou expulso do programa. É que após uma bebedeira, o integrante da casa Grafite, ao consolar Maíra Labanca, avançou os limites do flerte, dando o alerta de um caso de assédio.

O Multishow exibiu a cena em que Allan tenta se deitar ao lado de Maíra e ela nega a companhia. Houve um momento em que o rapaz acaricia a moça, e parece masturbá-la. Inicialmente, parece uma cena de flerte entre eles, mas o grau alcóolico da atriz causou questionamentos.

"Eu estou sensível hoje... Por que você pegou na minha bunda sem eu deixar?", disse Maíra.

"Na bunda?", retrucou Allan.

"Eu sou gostosa, eu sei (...) Eu gosto (de carinho) na frente, não atrás", respondeu Maíra.

"Ah, é? Então, espera. Você gosta mesmo?", disse Allan, mudando a posição da mão. "Nossa, posso dormir contigo?"

"Não, não quero mais saber de homem", disse Maíra.

Ao Maíra pedir para ficar só, Allan se levantou da cama e foi festejar com os outros colegas do quarto. Ao cantarem funk, a mineira acordou e foi dançar em cima da cama. Allan se reaproximou e levantou a blusa dela, deixando a bunda à mostra.

"Para, você está louco?", rebateu Maíra.

De volta para cama, Allan insistiu novamente em dormir ao lado dela e ela negou. Foi quando Felipe Aranda se aproximou e puxou o colega.

"Deixa eu te dar uma ideia de brother. Álcool rolou, mulher está 'no grau'. Se ela falou, não. Segura".

Por se tratar de um programa gravado previamente, o Multishow optou por exibir as cenas cronologicamente. E deixou claro que vai mostrar a expulsão no episódio desta sexta-feira, dia 13. A emissora enviou um posicionamento oficial ao Extra.

— O "Túnel do amor" é um reality de relacionamentos e, durante a temporada, acontecem momentos de intimidade entre os participantes. As relações devem obedecer o regulamento, que é de conhecimento de todos, e não há tolerância quando regras de convivência são desrespeitadas. Assim aconteceu nesta edição. Tão logo a produção recebeu os relatos envolvendo dois participantes, medidas foram tomadas. E, em nome da transparência e do respeito ao público do Multishow e também de acordo com a vontade dos envolvidos, tudo será mostrado no programa, na ordem cronológica dos acontecimentos — diz a emissora.

Nas redes sociais, diante da repercussão de assédio Allan disse que vai fazer um pronunciamento oficial, mas minimizou as acusações de assédio, ao alegar que a edição do programa favorece uma polêmica.

"Bom dia. Hoje tem um ao vivo para vocês entenderem mais esse 'rolê' do 'Túnel'. Muita coisa foi editada do rolê todo que aconteceu dentro da casa. E o programa tirou vários rolês que aconteceram antes (risos) do que está sendo mostrado. Reality show é polêmica. Querem realmente saber o que aconteceu? Me acompanhem", escreveu.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos