Rússia expulsa 60 diplomatas dos EUA e fecha consulado em São Petersburgo

Moscou, 29 mar (EFE).- A Rússia anunciou nesta quinta-feira a expulsão de 60 diplomatas americanos como represália por uma decisão similar adotada na segunda-feira pelos EUA no caso do envenenamento do espião duplo Sergei Skripal.

Além disso, Moscou decidiu pelo fechamento do consulado geral americano na segunda maior cidade do país, São Petersburgo.

Os diplomatas americanos, que foram declarados persona non grata, terão até 5 de abril para deixar a Rússia, segundo o ministério de Relações Exteriores do país. EFE