Pastor é preso por sequestrar e estuprar menina de nove anos

·1 minuto de leitura
Pastor é preso por sequestrar e estuprar menina de nove anos em Taboão da Serra (SP).

O pastor Sérgio Gomes, da igreja Assembleia de Deus, foi preso em flagrante acusado de sequestrar e estuprar uma criança de nove anos em Taboão da Serra, na Grande São Paulo.

De acordo com a Polícia Civil, o religioso de 43 anos se relacionava com a mãe da garota havia cerca de um ano. Ele teve a prisão preventiva decretada.

Em depoimento, a companheira afirmou que o pastor buscou a filha dela, às 11h, com a justificativa de que a levaria para almoçar.

Horas depois, a mãe percebeu que a menina estava demorando e acionou a Delegacia de Defesa da Mulher de Taboão da Serra (DDM/Demacro).

A garota confirmou ter sofrido violência sexual e foi submetida a exames. Ela ainda disse que ele tocou em suas partes íntimas não só naquela ocasião, mas também dias atrás, e relatou casos de abuso cometidos pelo pastor inclusive dentro da igreja. O religioso negou as acusações.

A mãe, grávida de sete meses, afirmou à polícia que o companheiro tinha “certo fanatismo” pela menina, o que já provocou brigas entre os dois porque ela não aceitava a forma como sua filha era tratada pelo pastor.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos