Paulinho da Força descarta federação e diz que Solidariedade vai sozinho em 2022

**ARQUIVO**  BRASÍLIA, DF, BRASIL, 28.06.2016: Paulinho da Força, presidente do Solidariedade. (Foto: Alan Marques/Folhapress)
**ARQUIVO** BRASÍLIA, DF, BRASIL, 28.06.2016: Paulinho da Força, presidente do Solidariedade. (Foto: Alan Marques/Folhapress)

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - Paulinho da Força, presidente do Solidariedade, diz que sua sigla não irá integrar nenhuma federação partidária nas eleições do próximo ano.

Embora seja um dos entusiastas e articuladores da candidatura do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), o sindicalista afirma que a sigla vai sozinha para a campanha de 2022.

Outros partidos que devem formar a base de apoio de Lula, como o PSB, PCdoB, PSOL e PV, negociam com o PT a formação de uma federação e devem caminhar juntos na disputa eleitoral.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos