Paulo Guedes ‘ameaça’ França: “Ou nos tratam bem, ou vamos ligar o f***-se”

Paulo Guedes afirmou que a França está ficando
Paulo Guedes afirmou que a França está ficando "irrelevante" (Foto: EVARISTO SA/AFP via Getty Images)

O ministro da Economia, Paulo Guedes, fez ameaças contra a França durante uma fala em um evento da Associação Brasileira de Bares e Restaurantes (Abrasel) na última terça-feira (9). Segundo Guedes, o Brasil mudará o comportamento em relação aos franceses, caso o país não seja bem tratado.

Paulo Guedes contava aos presentes que teve uma discussão com um ministro da França. “Uma vez, tinha um ministro da França lá, (ele disse) ‘você está queimando a Amazônia’. E eu falei ‘e você está queimando Notre Dame’. Acusação idiota, você não tá queimando Notre Dame, mas é um quarteirão e você não conseguiu impedir, pegou fogo. Agora, nós temos uma área que é maior que a Europa e vocês ficam criticando a gente”, relatou Guedes.

“Aí dei outro exemplo: nosso comércio com vocês era de 2 bilhões de dólares no início do século, ano 2000. Com a China era 2 bilhões também. Hoje, nós comercializamos com você 7 bilhões, e comercializamos com a China 20 bilhões, vocês estão ficando irrelevantes pra nós. É melhor vocês nos tratarem bem, se não, vamos ligar o foda-se pra vocês e vamos embora para o outro lado, eles estão ficando irrelevantes.”

O ministro da Economia ainda declarou que tem encontros periódicos com empresários alemães e franceses e, disse, estes estariam ganhando dinheiro no Brasil. “Estão todos com dinheiro no Brasil, eles estão abandonando a França também. Então, a França, ou eles abrem o mercado para nós, Mercosul, ou eles vão ficar irrelevantes pra nós e vamos embora para o outro lado.”

Outros conflitos

Não é a primeira vez em que Paulo Guedes tem questões com o país. Em 2019, o ministro da Economia ofendeu a mulher do presidente Emmanuel Macron, Brigitte Macron. “É feia mesmo”, afirmou na ocasião.

A situação gerou um mal-estar entre os países.