Paulo Guedes volta a afirmar que Mercosul foi ‘armadilha’ para o Brasil

·1 minuto de leitura
  • Paulo Guedes voltou a criticar Mercosul.

  • Ministro disse que bloco foi “armadilha” para o país.

  • Guedes acredita que Mercosul impediu Brasil de se integrar a cadeias econômicas globais.

O ministro da economia brasileiro, o economista Paulo Guedes, voltou a criticar o Mercosul, afirmando que o bloco foi uma “armadilha” para o país. Sua fala ocorreu em evento para banqueiros, organizado pelo Bradesco BBI.

Leia também:

Ele argumentou que o bloco deve ser flexibilizado e “modernizado”. As informações são de reportagem do jornal O Estado de S.Paulo.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

"Nos manter fechados foi ruim para o Brasil”, disse Guedes em fala reproduzida pelo Estadão. “O Mercosul foi uma armadilha que evitou que o Brasil se integrasse a cadeias globais.”

Essa não foi a primeira vez que Guedes criticou o Mercosul em seu modelo. No mês passado, ele afirmou que o Brasil precisa ser “protagonista” de grandes investimentos em obras de infraestrutura na América Latina, mas que não pode se limitar a isso, criticando novamente o projeto do Mercosul, que em suas palavras e avaliação, “aprisionou” o país no passado.

No evento do Bradesco, Guedes falou também sobre o processo de privatização da Eletrobras. Ele disse estar “otimista” com a perspectiva de sua aprovação no Senado até a próxima semana.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos