Paulo Gustavo segue em estado grave e trata nova pneumonia bacteriana

Extra
·2 minuto de leitura

Internado com Covid-19, o ator Paulo Gustavo apresentou uma nova pneumonia bacteriana, que está sendo tratada eficientemente, segundo o boletim médico. Seu estado de saúde, apesar de grave, é estável. "Foi detectada uma nova pneumonia bacteriana, que já está sendo eficientemente tratada. Apesar disso, evidências de melhora na função pulmonar têm surgido", diz o comunicado.

A equipe ainda ressaltou que ele não apresenta complicações relevantes há sete dias, o que dá esperanças a família e amigos. No entanto, ele continua em estado grave, na ventilação mecânica e submetido ao tratamento com ECMO (Oxigenação por Membrana Extracorpórea).

No Instagram, o marido de Paulo Gustavo, Thales Bretas, compartilhou o boletim e escreveu que está ansioso para ver o ator em casa novamente: "Estamos de raços dados, juntos nessa caminhada em direção à luz! O caminho tortuoso não vai importar quando estivermos vivendo novas alegrias e agradecendo a vitória! Estou muito ansioso, mas já medicado pra aguentar esperar o que precisar pra te carregar comigo pra casa! Que saudade da sua presença tão forte e alegre! Tenho muita fé que voce vai melhorar logo, e eu vou estar firme te esperando! Te amo!".

Na mesma rede social, a irmã do ator, Juliana Amaral, também compartilhou o boletim e escreveu: "Força, irmão! Te amo!".

Paulo Gustavo foi internado no dia 13 de março. Desde então, fãs, amigos e família fazem uma corrente de orações pela recuperação do ator, que tem dois filhos, Romeu e Gael, com o marido, o médico Thales Bretas.

Na carreira, Paulo Gustavo fez o filme brasileiro com a segunda maior bilheteria na história do cinema, "Minha mãe é uma peça 3", que teve 11,5 milhões de espectadores nos cinemas.

Leia o boletim médico completo abaixo

"Internado desde 13 de março, no Rio de Janeiro, com quadro de COVID-19, Paulo Gustavo continua no Serviço de Terapia Intensiva e ainda se encontra em situação grave, em uso de ventilação mecânica e ECMO.

Após algumas intervenções cirúrgicas e broncoscópicas, além de mudanças na conduta clínica, ele tem apresentado sinais de recuperação.

Hoje, a equipe médica emitiu novo boletim:

'Há cerca de sete dias não surgem complicações relevantes, fato que aumenta as nossas esperanças na boa recuperação do paciente.

Entretanto, como em outros casos graves, ocorrem oscilações no estado geral, demandando reajustes nas medicações, na ventilação mecânica e na ECMO, o que ainda determina a vigilância constante da equipe multiprofissional.

Ontem foi detectada uma nova pneumonia bacteriana, que já está sendo eficientemente tratada. Apesar disso, evidências de melhora na função pulmonar têm surgido.

Em alguns momentos, o paciente mostra sinais discretos de interação com o meio, apesar do uso de sedativos'.

A família do ator agradece muito todo o carinho e orações e pede que continuem a enviar boas energias para a recuperação de todos os que se encontram na luta contra o vírus".