Peças de decoração dão charme extra às plantas dentro de casa

Rafaella Barros
·2 minuto de leitura

As plantas são excelentes elementos decorativos. Mas é possível dar um charme extra com acessórios para a disposição delas dentro de casa. O arquiteto Vinicius Schmidt, do Estúdio Simbiose, desenvolveu um banco de planta que se adapta a diversas espécies.

— A maioria das peças foi criada com madeira de demolição, trazendo um caráter sustentável. Além disso, o banco pode ser utilizado em duas posições diferentes, estimulando a criatividade ao decorar. Ele se adapta a diversas plantas, mas as mais usadas são samambaia, begônia, peperômia e jiboia — diz Schmidt.

O especialista em decoração explica que, antes de decidir em qual local da casa será posicionado o vaso de planta, é importante perceber o quanto de luz natural o ambiente recebe e escolher espécies que se adaptam de forma adequada a cada lugar.

— O tamanho do espaço que ela vai ocupar também é importante, para escolher plantas mais verticais para espaço menores, ou mais cheias para espaços mais amplos. As plantas sempre trazem vida aos ambientes, mas escolher os suportes corretos ajudam a aproveitar melhor os espaços e a posicionar adequadamente cada planta — detalha.

Artesã e fundadora do Ateliê 91, Estela de Andrade produz hangers em macramê, técnica milenar de tecelagem manual que utiliza cordões ou outros tipos de fios entrelaçados com diferentes nós. A peça, que se popularizou nos anos 1970 e agora voltou com força, sustenta as plantas na parede ou no teto.

- Onde você quiser ter uma plantinha, o hanger pode fazer o combo perfeito. Ele invadiu todos os espaços: sala, quarto, escritório, cozinha e até banheiro. As espécies que ficam mais bacanas nele são as pendentes, como jiboias, samambaias, peperômias, heras e corações emaranhados. Vale dizer também que é um ótimo aliado para quem tem animais em casa, pois tira as plantas do alcance dos bichinhos que costumam comê-las.

Além das peças vendidas pelo site do Ateliê, Estela também dá aulas para quem deseja aprender a técnica do macramê e, assim, poder produzir seu próprio hanger.

— A pessoa pode entrar para uma turma de macramê e aprender a técnica como um todo, aplicando em diversas peças, ou pode participar de uma oficina de hanger, na qual a pessoa aprende a confeccionar esta peça específica e já leva pra casa tudo prontinho — esclarece Estela.

bela casa