Pedófilo do RPG: Polícia prende suspeito de atrair crianças por meio de jogos eletrônicos, em Sergipe

·1 min de leitura

RIO - A Polícia Civil do Distrito Federal prendeu, nesta terça-feira, um homem de 22 anos pela prática do crime de pedofilia. As vítimas seriam meninas atraídas por meio de jogos eletrônicos do RPG (Roler Playing Game). O suspeito foi detido em Aracaju (SE), onde mora.

A investigação começou em Brasília, após um registro de ocorrência no qual constavam mais de dois meses de conversa entre o suspeito e uma menina de 9 anos, moradora da capital federal.

Nas conversas havia diálogos com temática relacionada a sexo, inclusive com simulação da prática de uma relação sexual.

"O investigado envolveu a criança ludicamente, dizendo estarem jogando um jogo do tipo RGP (Role Playing Game), em que o enredo eram contos eróticos incestuosos", informou a Polícia Civil do DF, por meio de nota.

Os policiais apreenderam dois celulares do suspeito. Os agentes observaram que, nos aparelhos, havia conversas pela internet com dezenas de meninas de vários estados brasileiros.

"No celular do investigado havia armazenado material de conteúdo pedopornográfico, tendo sido ele autuado em flagrante, pela Polícia Civil de Aracaju, por esse crime. Os aparelhos celulares do investigado foram apreendidos e serão periciados para identificar outras possíveis vítimas", diz a nota.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos