A pedido de Adele, Spotify remove botão aleatório de seus álbuns

·1 min de leitura

No topo das paradas musicais, a cantora britância Adele tem mais um motivo para comemorar, além do sucesso de seu recém-lançado álbum "30". O Spotify concordou com um pedido feito pela cantora e removeu o botão que permitia ouvir as faixas de seus álbuns de modo aleatório na plataforma. Adele defende que as canções sejam ouvidas na ordem concebida pelos artistas para preservar a história e mensagem do projeto.

“Este foi o único pedido que eu tive na nossa indústria em constante mudança! Não criamos álbuns com tanto cuidado e reflexão sobre nossa lista de faixas sem motivo. Nossa arte conta uma história e nossas histórias devem ser ouvidas como pretendíamos. Obrigada por ouvir, Spotify”, celebrou a artista no Twitter.

Lançado na última sexta-feira (19), "30" é o quarto disco da cantora e já estreou alcançando o topo das paradas musicais. Nas primeiras 24 horas, o álbum acumulou 60 milhões de streams no Spotify. Todas as 12 faixas do projeto, incluindo o hit “Easy on me”, ocuparam o Top 25 da plataforma, garantindo a Adele a 6ª maior estreia de álbum por uma artista feminina na história do serviço. O novo trabalho de Adele navega pelo fim de seu casamento e sua relação com o filho Angelo, de 9 anos.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos