Pedreiro é condenado a 52 anos após estuprar e matar mulher e abusar da filha dela

Homem é preso (Foto: Getty Images)
Homem é preso (Foto: Getty Images)

O pedreiro Jeberson Alves dos Santos foi condenado a 52 anos de prisão pelo estupro e homicídio qualificado de uma mulher e estupro da filha dela de 11 anos.

A sentença foi proferida na terça-feira (9) no Tribunal do Jurí de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, e ainda cabe recurso.

Segundo informações do portal g1, os crimes ocorreram em novembro do ano passado.

Jeberson invadiu a casa das vítimas para roubar, mas, ao vê-las sozinhas, as rendeu com uma faca e as amarrou.

"O pedreiro levou as duas para o quarto, onde praticou na criança 'atos libidinosos diversos de conjunção carnal’. Depois, levou a mãe para outro cômodo onde a estuprou", relatou a promotoria.

O réu matou a vítima asfixiada, apontou a denúncia.

Ainda de acordo com o portal g1, o homem já tinha cinco condenações por roubo, furto e falso testemunho.