Peixe que nasce fêmea e vira macho é descoberto nas Maldivas

Cientistas descobriram mais sobre o peixe que nasce fêmea e se torna macho ao longo da vida. O animal, que recebeu o nome de bodião-fada-do-véu-rosa (Cirrhilabrus finifenmaa) e tem cores variadas, como um arco-íris, é encontrado nas águas das Maldivas.

O peixe vive em recifes que são encontrados a cerca de 40 a 70 metros de profundidade do Oceano Índico. Seu tamanho pode chegar a até sete centímetros de comprimento.

O bodião-fada-do-véu-rosa é conhecido desde os anos 90. No entanto, era tratado como uma variação de outra espécie, e não uma espécie a parte. Somente em 2022, os cientistas o classificaram como outra espécie.

Segundo o pesquisador Ahmed Najeeb, do Instituto de Pesquisa Marinha das Maldivas.

Segundo o The Guardian, esta é a primeira vez que um pesquisador nativo das Maldivas descreve uma espécie descoberta nativa da região. À medida que o peixe envelhece, ele muda sua aparência e seu sexo biológico. Ao se tornar macho, o peixe fica um tanto mais colorido.

Durante a época de acasalamento, o animal fica ainda mais colorido, fenômeno que ocorre para impressionar as fêmeas.