Pelo menos 20 jovens são encontrados mortos em discoteca na África do Sul

Pelo menos 20 jovens foram encontrados mortos numa discoteca na cidade de East London, na África do Sul. A polícia ainda investiga circunstâncias das mortes.

Guerra na Ucrânia: Rússia volta a bombardear Kiev

"Temos o registo de 17 jovens encontrados mortos numa discoteca no Scenery Park, em East London. Ainda estamos a investigar as circunstâncias das mortes", explicou o chefe da polícia provincial, Thembinkosi Kinana, à AFP, antes de localizarem mais três corpos.

"O número subiu para 20, três morreram no hospital. Mas ainda há dois que estão em estado crítico", disse o chefe do departamento de segurança da província, Weziwe Tikana-Gxothiwe, à televisão local.

As vítimas têm entre 18 e 20 anos de idade e, de acordo com imagens publicadas em redes sociais, de forma misteriosa, os corpos estavam deitados no chão da discoteca, sendo que nenhum deles tem ferimentos aparentes.

Um responsável pelo departamento de Segurança e Comunidade da província de Eastern Cape, Unathi Binqose, descartou a possibilidade de uma briga como causa das mortes.

"É difícil acreditar que seja uma briga porque não há sinais visíveis de ferimentos nos mortos", disse Binqose, contatado por telefone no local, à AFP. O jornal regional local DispatchLive relatou "corpos espalhados em mesas, cadeiras e no chão, sem sinais óbvios de ferimentos".

Familiares das vítimas e curiosos estão no local. "Os pais cujos filhos não dormiram em casa estão aqui e querem entrar no clube para procurar seus entes queridos", disse Binqose.

A porta-voz do Departamento de Saúde de Eastern Cape, Siyanda Manana, afirmou que as equipes de patologia forense e de saúde estão no local. "Vamos realizar autópsias o mais rápido possível para estabelecer a provável causa da morte. Os mortos foram levados para necrotérios estaduais”, apontou Manana.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos