Pentágono nega controle do Talibã sobre qualquer parte do aeroporto de Cabul

·1 minuto de leitura
O porta-voz do Pentágono, John Kirby em Washington, DC (AFP/Brendan Smialowski)

O Pentágono negou nesta sexta-feira (27) que o Talibã tenha assumido o controle de qualquer parte do aeroporto de Cabul, após relatos de que o grupo que tomou o poder no Afeganistão entrou nas instalações vigiadas por militares americanos.

"Eles não estão no comando de nenhum dos portões, não estão no comando de nenhuma operação do aeroporto. Isso ainda está sob controle militar dos Estados Unidos", informou o porta-voz do Pentágono, John Kirby.

Mais cedo, um porta-voz do Talibã afirmou que o Emirado Islâmico controlava "três locais importantes" do terminal aéreo em Cabul, pois o prazo de 31 de agosto para os Estados Unidos e seus aliados concluírem sua retirada do país se aproximava.

“Três locais importantes da parte militar do aeroporto foram evacuados pelos americanos e estão sob o controle do Emirado Islâmico”, informou o porta-voz, Bilal Karimi, no Twitter. “Atualmente, apenas uma pequena parte está nas mãos dos americanos”, acrescentou.

Milhares de pessoas continuam refugiadas no aeroporto de Cabul, esperando para embarcar em um avião, segundo o general americano Hank Taylor.

Na quinta-feira, um ataque reivindicado pelo grupo jihadista Estado Islâmico (EI) matou pelo menos 85 pessoas perto do portão principal do terminal aéreo, incluindo 13 militares americanos.

A gigantesca operação de voos de saída do Afeganistão já permitiu a evacuação de mais de 111.000 estrangeiros e afegãos desde 14 de agosto, segundo o Pentágono.

pmh-ad/lda/jc

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos