Pentágono nega ter atacado mesquita e mostra foto como prova

Infográfico com localização do ataque

Um ataque aéreo no norte da Síria não atingiu uma mesquita, e sim um prédio vizinho, com dezenas de membros da Al-Qaeda em seu interior, afirmou o Pentágono nesta sexta-feira, mostrando a jornalistas uma foto tirada depois do ataque.

"A mesquita continua em pé, relativamente intocada", afirmou o porta-voz do Pentágono, capitão d enavio Jeff Davis, comprometendo-se em tornar pública a imagem.

O Observatório Sírio dos Direitos Humanos afirmou mais cedo que aviões haviam tomado como alvo uma mesquita na província de Aleppo durante a oração, matando 42 pessoas.

As forças militares americanas admitiram que realizaram um ataque no norte da Síria contra posições da Al-Qaeda, mas negaram que seu alvo fosse uma mesquita.