Personal é baleado em frente a academia e acusado de “mexer com mulher dos outros”

Personal foi baleado e, antes de o agressor fugir, disse que ele não deveria
Personal foi baleado e, antes de o agressor fugir, disse que ele não deveria "mexer com a mulher do outro" (Foto: Reprodução/ TV Globo)

Um personal trainer de 33 anos foi baleado em frente a uma academia na cidade de Várzea Paulista, interior paulista, na última segunda-feira (13). Imagens de câmeras de segurança, reveladas pelo portal g1, mostram que um homem armado abordou o profissional ainda na rua.

A vítima foi atingida por um tiro e agredida com uma barra de ferro diversas vezes. Segundo o boletim de ocorrência, o agressor afirmou que o homem estaria “mexendo com a mulher dos outros”.

O personal chega ao local de carro e, ao deixar o veículo, é abordado pelo homem, que posta uma arma na mão direita e, na esquerda, tem uma barra de ferro. Quando o profissional vê o agressor, tenta fechar a porta do veículo e fugir, mas não consegue.

O homem aponta a arma para a cabeça da vítima e, depois, atira na perna dele. O personal trainer cai no chão e é atingido com mais de dez golpes de barra de ferro nas costas, nos braços, nas pernas e também na cabeça.

Em seguida, o agressor foge. A vítima consegue se levantar e entrar na academia e, depois, é levado ao Hospital São Vicente. Segundo o portal g1, o personal trainer está em estado estável.

O caso está sendo investigado pela delegacia de Várzea Paulista. O agressor ainda é procurado e acusado de tentativa de homicídio.