Perto do adeus, veja números de Diego Ribas e Diego Alves no Flamengo

Com o fim da temporada do futebol brasileiro, se aproxima também o término da trajetória da dupla Diego Alves e Diego Ribas no Flamengo. Identificados com o clube, onde foram multicampeões, e um dos líderes do elenco, os dois tiveram no rubro-negro uma história de altos e baixos, mas com muitos troféus.

Diego Ribas, por sua vez, chegou em 2016 como a primeira grande contratação de um Flamengo que dava indícios do poderio financeiro que renderia duas Libertadores, dois Brasileiros, Copa do Brasil etc.

Ao mesmo tempo que representou o começo da esperança do torcedor rubro-negro, vide o primeiro grande “AeroFla”. No entanto, conforme os títulos não vinham e os erros aconteciam, como o pênalti perdido na final da Copa do Brasil de 2017, o meia se tornou a personificação do “cheirinho”, o que nunca foi bem digerido pelos torcedores.

Menos mal que, junto da volta triunfante em 2019 no 5 a 0 contra o Grêmio, num Maracanã em festa com a primeira final de Libertadores desde 1981, veio também o passe para o gol de Gabigol que sacramentou o título do torneio continental. Nesse momento, Diego Ribas marcou de vez um lugar na história do Flamengo.

Ao todo, 283 jogos, 42 gols e 12 títulos: quatro cariocas, duas Libertadores, dois Brasileiros, duas Supercopas, uma Recopa e uma Copa do Brasil. A grande maioria dessas taças foi levantada junto de Everton Ribeiro e justamente o goleiro Diego Alves. O trio foi escolhido como os capitães do time por Jorge Jesus, ainda em 2019, e mantiveram a tradição.

Diego Alves passou seis temporadas no Flamengo, uma a menos que Ribas. O goleiro fez 215 jogos pelo rubro-negro e conquistou onze títulos. Embora os últimos dois, a Copa do Brasil e a Libertadores desse ano, tenham sido com menor participação do jogador, a importância de Diego Alves é unanimidade entre os torcedores.

Veja os números da dupla no Flamengo:

Diego Alves

Seis temporadas (2017 a 2022) – 215 jogos

Onze títulos:

Três Cariocas (2019, 20 e 21)

Duas Libertadores (2019 e 22)

Dois Brasileiros (2019 e 20)

Duas Supercopas (2020 e 21)

Uma Recopa (2020)

Uma Copa do Brasil (2022)

Diego Ribas

Sete temporadas (2016 a 2022) – 283 jogos

Doze títulos

Quatro Cariocas (2017, 19, 20 e 21)

Duas Libertadores (2019 e 22)

Dois Brasileiros (2019 e 20)

Duas Supercopas (2020 e 21)

Uma Recopa (2020)

Uma Copa do Brasil (2022)