Pesquisa EXAME/IDEA: Popularidade do governo Bolsonaro cai de 41% para 35% em duas semanas

·1 minuto de leitura
Brazil's President Jair Bolsonaro waves to supporters as he arrives for a ceremony marking National Flag Day at Planalto presidential palace in Brasilia, Thursday, Nov. 19, 2020. (AP Photo/Eraldo Peres)
(Foto: AP Photo/Eraldo Peres)

A aprovação do governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) caiu de 41% para 35% em duas semanas. É o que mostra o levantamento mais recente da pesquisa EXAME/IDEA.

Foram ouvidas 1.200 pessoas entre 30 de novembro e 3 de dezembro. A margem de erro é de 3 pontos percentuais.

A desaprovação do governo federal cresceu de 31% para 38%. Essa é a primeira vez em que a avaliação negativa supera a aprovação. Entre os entrevistados, 27% consideram o governo regular.

Leia também

Estima-se que a queda da aprovação de Bolsonaro tenha relação com o fim do auxílio emergencial. Não há previsão para extensão do benefício para 2021. No período em que o benefício foi pago aos brasileiros em situação de vulnerabilidade, a aprovação do governo subiu.

À Exame, Maurício Moura, fundador do IDEA, afirmou que aprovação do governo federal é maior nas regiões Norte, com 62% de aprovação, no Centro-Oeste, com 47%, e entre os evangélicos, com 44%.

Entre as classes D e E, a popularidade caiu, mas desde da margem de erro.