De petiscos na canequinha a nuggets de pamonha, algumas novidades da gastronomia carioca

Bruno Calixto
·3 minuto de leitura
Divulgação/Rafael Cavalieri

20201118_131211 (1).jpg

Divulgação/Rafael Cavalieri

Nuggets de pamonha, arroz de cogumelos, couve-flor empanada, sanduíche de pirarucu e rubacão (baião-de-dois com feijão-verde, finalizado com nata). Custando em média R$ 25, estas são algumas das novidades no menu do Manda!, espaço de comida orgânica comandado por Bianca Barbosa no complexo de restaurantes Boxx, em Botafogo (Rua São João Batista 26).

— A maioria dos pratos é vegetariana, mas quem come carne pode adicionar separadamente, para agradar todo mundo — diz Bianca.

Ali, ela é vizinha do Bar Desatino, da bartender Jéssica Sanchez; da Wursteria (de embutidos), de Isa Nogueira; do Ogro Steaks, de Jimmy Ogro, e do É Giro! Tasca Portuguesa, de Rafael Cavalieri que, neste fim de semana, lança uma tábua de acepipes (petiscos que vão de batatinha calabresa a alho em conserva) a R$ 39.

— A Terrinha nos inspira, mas o foco é o lado jovem e descolado de Portugal. As referências clássicas estão junto com as contemporâneas— comenta Cavalieri que, às sextas e aos sábados, serve trio de ostras com taça de vinho a R$ 35.

Confira abaixo outras novidades na gastronomia carioca.

Novos sabores

Em Ipanema, um bar que vale por dois

Instalada desde outubro no espaço de dois andares onde já funcionou o Cafeína, no número 43 da Rua Farme de Amoedo, a cervejaria Zer09 não está mais sozinha e agora divide o local com o gastrobar Honô ( 99330-3773). São 44 lugares, sendo 12 na varanda, e música ao vivo (violão e voz) de quinta a sábado (com couvert opcional de R$ 10).

O cardápio é da chef e sócia Adilene Ponciano (Ex-Pipo), que prepara petiscos como pastel de lagosta (R$ 9,50) e trio de croquetes (de costela, bacalhau e arroz com tomate seco e manjericão, a R$ 20) e comidinhas para compartilhar, como carpaccio de carne-seca, ceviche (R$ 25,90) e steak tartar (R$ 39,90). Para vegetarianos, tem sanduíche de cogumelos com relish de pepino e cebola crispy (R$ 23,90). Aos sábados e domingos, há feijoada no almoço (R$ 89, para dois).

O outro sócio, o sommelier José Honorato, cuida da carta de bebidas, que inclui drinques como o summer hot lemon (cachaça com pimenta, limão-galego, gengibre e cardamomo (R$ 23), e gim tônica com caju e xarope de mel (R$ 29). Isso sem falar das 21 torneiras de chopes, com preços a partir de R$ 7.

Bar abre na Barra com data para terminar

Dois chefs, uma bartender e a vontade de reunir cozinhas num único lugar. Assim nasceu o Feu (fogo em francês), que abre as portas hoje no Espaço Lamartine, local normalmente usado para eventos, com capacidade para 250 pessoas sentadas (sendo a metade na varanda), na Barra (97179-4011). O cardápio tem receitas de Philipe Martins (Seu Vidal), Gabriel Nigro (ex-Bobô Bar) e Carol Gutierrez (Stuzzi).

Exemplos? Bolinhas de queijo com purê de tomate seco, molho de tomates grelhados, e crispy de parmesão (R$ 32, quatro unidades), e almôndegsa de vegetais com farofa de ervas e gergelim (R$ 39). No bar, uma das apostas é a carta de drinques feitos com gim (R$ 40), desde infusão de frutas vermelhas a xarope de maçã verde. Funciona de quinta-feira a domingo e tem data de validade: só dura até 28 de fevereiro.

Siga o Rio Show nas redes:

No Twitter: @rio_show

No Instagram: @rioshowoglobo

No Facebook: RioShow