Petrobras amplia medidas de prevenção ao coronavírus em plataformas

Vinícius Lisboa - repórter da Agência Brasil

A Petrobras anunciou hoje (19) novas medidas de prevenção ao coronavírus para trabalhadores de suas plataformas de exploração e produção de petróleo e gás natural offshore. A estatal vai reduzir ao mínimo necessário suas equipes nas unidades em alto mar e adotará isolamento prévio para quem for embarcar.

Em comunicado à imprensa, a Petrobras informou que, antes de iniciar suas escalas nas plataformas, os trabalhadores passarão por um isolamento prévio de sete dias em hotel disponibilizado pela empresa.

Segundo a estatal, não haverá prejuízo à remuneração mesmo com a não convocação de trabalhadores e os dias de isolamento serão pagos como horas-extras.

As regras valem para trabalhadores próprios e terceirizados e se somam a outras medidas que já haviam sido anunciadas, como a intensificação do trabalho remoto, aferição de temperatura de todos os profissionais antes do embarque e quarentena para quem voltar de viagens ao exterior.

A Petrobras informou que as medidas estão alinhadas às recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e do Ministério da Saúde e "visam a contribuir com os esforços de toda a população e das autoridades para mitigar os riscos, reduzir a circulação nos espaços públicos, mantendo as pessoas em suas casas".