Petrobras aumenta em 2% preço do diesel nas refinarias

Ramona Ordoñez

RIO - A Petrobras reajusta, a partir desta quarta-feira, os preços do diesel em cerca de 2% em média em suas refinarias e demais bases de distribuição. O aumento médio será de R$ 0,0434 por litro de diesel.

Gasolina:combustível já acumula alta de 28% este ano.

O último reajuste ocorreu no dia 19 de novembro, quando o produto teve um aumento da ordem de 1,2%. Com o novo reajuste, os preços de venda do diesel na Refinaria de Duque de Caxias (Reduc), no Rio de Janeiro, passa a ser de R$ 2,271 por litro, contra os R$ 2,228 anteriores. A gasolina, em contrapartida, será mantida estável.

No último dia 27, a Petrobras elevou o preço da gasolina nas refinarias em aproximadamente 4%. Com a alta, o preço nas refinarias subiu para cerca de R$ 1,91 por litro. Na Refinaria Duque de Caxias (Reduc), no Rio, o preço passou de R$ 1,865 para R$ 1,938 o litro. O diesel, em contrapartida, foi mantido estável na ocasião.

A Petrobras tem reiterado que sua política de preços para a gasolina e o diesel segue o princípio da paridade de importação, formada pela cotação internacional dos produtos mais os custos de importadores, como transporte e taxas portuárias.

O repasse dos ajustes de preço nas refinarias para o consumidor final nos postos não são imediatos e dependem de diversos fatores, como impostos, margens de distribuição e revenda e mistura de biocombustíveis.

Os preços do diesel, contudo, continuam abaixo dos preços de colocação do produto importado nos principais portos brasileiros, inviabilizando as importações pelas empresas privadas, de acordo com a Abicom, que reúne os importadores de combustíveis.