Petrobras, Shell e TotalEnergies arrematam bloco Atapu em leilão da ANP

Trabalhador em plataforma na Bacia de Santos

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O consórcio integrado por Petrobras, Shell e TotalEnergies fez a única oferta e arrematou o bloco Atapu, no pré-sal da Bacia de Santos, em leilão dos excedentes da cessão onerosa nesta sexta-feira, com oferta de óleo lucro de 31,68%, ante percentual mínimo de 5,89%.

A Petrobras será a operadora, com 52,5%, enquanto Shell terá 25% e TotalEnergies 22,5%.

Ao arrematar o bloco, o consórcio pagará um bônus de assinatura 4 bilhões de reais à União.

(Por Gram Slattery e Marta Nogueira)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos