Petrolíferas obtêm liminares para barrar protestos climáticos no Reino Unido

·1 min de leitura

LONDRES (Reuters) - Três empresas do setor de petróleo do Reino Unido, incluindo a ExxonMobil, obtiveram liminares para impedir protestos de ativistas climáticos que têm causado turbulências neste mês, disse o governo do país nesta sexta-feira.

Grupos ambientalistas como Extinction Rebellion e Just Stop Oil vêm realizando protestos diários em Londres e em todo o país, focados principalmente em instalações de petróleo.

As companhias Navigator Thames, ExxonMobil e Valero obtiveram liminares para permitir que minimizem as interrupções e evitem mais problemas, disse o departamento de negócios do Reino Unido.

"Embora valorizemos o direito a protestos pacíficos, é crucial que eles não causem interrupções na vida cotidiana das pessoas", disse o ministro da Energia, Greg Hands.

"É por isso que estou satisfeito em ver as empresas petrolíferas tomando medidas para garantir liminares em seus locais, trabalhando com as forças policiais para prender aqueles que infringem a lei e garantindo que as entregas de combustível continuem normalmente."

(Reportagem de Michael Holden); Tradução Redação Brasília, 55 11 5047-2695; REUTERS BC)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos