PF abre inquérito para investigar caso de empresários mineiros que tomaram vacina de Covid-19 escondidos

CAMILA MATTOSO

BRASÍLIA, DF (FOLHAPRESS) - A Polícia Federal abriu inquérito para investigar o caso das vacinas compradas em Minas por um grupo de empresários, revelado pela revista piauí. Políticos e empresários de Minas Gerais, tomaram a primeira das duas doses da vacina da Pfizer contra a Covid-19, que eles compraram por iniciativa própria, sem repassar ao SUS (Sistema Único de Saúde), segundo a reportagem.