PF apreende 300 quilos de pepinos-do-mar em Angra dos Reis

A Polícia Federal (PF) prendeu ontem (30) à noite, no município de Angra dos Reis, Costa Verde do estado do Rio de Janeiro, uma mulher com 300 quilos de pepinos-do-mar. Os policiais interceptaram um ônibus que iria de Angra para São Paulo e, durante as buscas no veículo, encontraram cinco caixas de isopor com os animais marinhos, que seriam contrabandeados para a capital paulista. A informação foi divulgada hoje (31) pela PF.

Os pepinos-do-mar são uma espécie de equinodermes da classe Holothuroidea, que ocorrem nas partes mais profundas dos oceanos e cumprem importante função ecológica, porque reciclam a matéria orgânica dos sedimentos e redistribuem nutrientes. Têm corpos alongados, alcançando 25 centímetros, em média, e podem apresentar cores diversas. Muito utilizados na cozinha asiática, os pepinos do mar são considerados iguaria em países como China, Japão e Malásia.

De acordo com informação do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e Recursos Naturais Renováveis (Ibama), os pepinos do mar apreendidos não estão em extinção. No entanto, sua captura, transporte e comercialização dependem de autorização e licença.

A mulher presa foi conduzida à Delegacia de Polícia Federal em Angra dos Reis para lavratura do termo circunstanciado de ocorrência e, após assinatura do termo do compromisso de comparecer em juízo, foi liberada e responderá pela infração penal em liberdade.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos