PF deflagra operações contra compra de votos e outros ilícitos eleitorais às vésperas do pleito

Aguirre Talento
·1 minuto de leitura

BRASÍLIA - A Polícia Federal deflagrou, entre sexta-feira e sábado, ao menos quatro operações em diversas cidades do Brasil para combater crimes eleitorais às vésperas do pleito. As suspeitas envolvem compra de votos por meio de cestas básicas e dinheiro vivo, dentre outras irregularidades. Os nomes dos candidatos suspeitos de se beneficiarem indevidamente não foram divulgados.

Em um dos casos, no município de Lago da Pedra (MA), apoiadores de um candidato ofereciam dinheiro a eleitores em troca do voto neste candidato. Os valores, segundo a investigação, seriam pagos em dinheiro vivo por meio de uma casa lotérica da cidade.

Outro caso envolveu suspeitas de que a distribuição de cestas básicas e kits de higiene por um programa de assistência do governo de Roraima seria utilizado para a compra de votos. A PF apreendeu hoje dez mil cestas básicas e dez mil kits de higiene, que seriam entregues em troca dos votos.

Também houve operações em Agrestina (PE) e Tobias Barreto (SE), envolvendo outros tipos de irregularidades.