PF deve tomar depoimento de Anderson Torres nesta quarta

A Polícia Federal (PF) deve tomar o depoimento nesta quarta-feira do ex-ministro Anderson Torres, que está preso desde domingo em um batalhão da Polícia Militar em Brasília.

Veja a lista: Pelo menos 45 presos por atos golpistas já foram candidatos em eleições passadas

Sonar: Romário xinga seguidora após crítica e depois apaga ofensa

A PF já havia tentando ouvir Torres na terça-feira, mas não conseguiu comunicar seus advogados. O ex-ministro está sendo defendido por Rodrigo Roca e por Demóstenes Torres.

A prisão de Torres foi determinada pelo ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (PF), devido à sua atuação nos atos terroristas do dia 8 de janeiro. Torres era secretário de Segurança do Distrito Federal, mas saiu de férias logo após assumir o cargo e estava nos Estados Unidos no dia dos ataques.

Bela Megale: A bronca que Anderson Torres recebeu de um ministro do STF

De acordo com pessoas próximas, ele não tem conseguido superar o abatimento desde que foi informado sobre a ordem de prisão do qual foi alvo. Na terça-feira, recebeu uma psicóloga na cela onde está alojado no batalhão.