PF realiza operação para apurar fraude em contrato de universidade com empresa prestadora da serviços

O Globo
·1 minuto de leitura

RIO — A Polícia Federal realizada, desde o início da manhã desta terça-feira, uma operação para cumprir 9 mandados de busca e apreensão no Rio, em Rio Bonito e em Saquarema. O objetivo da ação, que tem a participação de 33 policiais, é apurar suspostas fraudes cometidas durante um processo de licitação de um contrato entre a Univerdiade Federal do Estado do Rio de Janeiro e uma empresa especializada para prestar serviços continuados de operação, manutenção preventiva, corretiva e emergencial.

De acordo com a PF, durante as investigações foram verificados indícios da prática de direcionamento e superfaturamento no contrato. Também houve a constatação, em tese, de várias irregularidades na condução do processo administrativo.

Os mandados de busca e apreensão foram expedidos pela 8ª Vara Federal Criminal. O material apreendido será periciado e servirá para aprofundar a investigação e, eventualmente responsabilizar um maior número de pessoas envolvidas nas fraudes.

Procurada, a UniRio ainda não se posicionou sobre a operação.