Pfizer revela estimativa de vender R$ 80 bilhões em vacinas em 2021

Marcus Couto
·1 minuto de leitura
Vacina da Pfizer-BioNTech contra a COVID-19. (Foto: Christof STACHE / AFP via Getty Images)
Vacina da Pfizer-BioNTech contra a COVID-19. (Foto: Christof STACHE / AFP via Getty Images)

A gigante farmacêutica Pfizer, que em parceria com a empresa alemã de biotecnologia BioNTech produziu uma das principais vacinas contra a COVID-19 em uso hoje no mundo, revelou as cifras de suas vendas estimadas em 2021.

Baixe o app do Yahoo Mail em menos de 1 min e receba todos os seus emails em 1 só lugar

Siga o Yahoo Finanças no Google News

Segundo a empresa, esse montante deve chegar a casa dos R$ 80 bilhões ao longo do ano – com possibilidade de aumento, a depender de novos contratos fechados com governos no mundo todo.

Leia também:

O lucro antes de impostos estimado pela empresa está na faixa entre 25% e 30%. As informações são da agência AFP.

Esses são os ganhos obtidos com o desenvolvimento de uma vacina que se provou eficaz na prevenção da infecção da COVID-19, doença provocada pelo novo coronavírus, que paralisou o mundo em meio a uma pandemia global.

A empresa é hoje a fornecedora de vacina para algumas das maiores economias do mundo, entre elas os Estados Unidos e países da União Europeia.

Assine agora a newsletter Yahoo em 3 Minutos

Siga o Yahoo Finanças no Instagram, Facebook, Twitter e YouTube