Picciani: 'não cometi nenhum ato ilegal'

O presidente da Assembleia Legislativa do Rio de Janeiro, Jorge Picciani, negou nesta quinta-feira qualquer participação sua em um esquema de corrupção. Ele rebateu as acusações do ex-presidente do Tribunal de Contas do Estado, Jonas Lopes, que declarou que Picciani ajudava a distribuir 15% em propina de contratos com órgãos públicos.