Piloto é demitido após filmar sexo com aluna dentro da cabine de avião

(Foto: Getty Images)
(Foto: Getty Images)

Um piloto de uma escola de aviação foi demitido após filmar sexo com uma aluna dentro do cockpit.

Segundo informações do site local Gazeta e registradas pelo portal UOL nesta quarta-feira (25), o instrutor da Escola de Aviação Civil de Sasovo, na Rússia, teria colocado a aeronave no piloto automático para conseguir filmar a relação sexual em pleno voo.

O piloto tem 28 anos de idade, é casado e teria convencido a aluna, de 21, a gravar os vídeos íntimos em troca de aulas extras de aviação.

Eles estavam viajando em um Cessna 172, sobrevoando a região de Ryazan, quando filmaram a relação sexual.

As imagens foram publicadas online por um colega da jovem. O piloto e a aluna foram expulsos da escola de aviação somente um mês depois, quando a filmagem viralizou. De acordo com a mídia local, primeiro a moça teria recusado ter as relações sexuais, mas foi convencida pela oferta de horas de voo gratuitas.

Segundo o portal UOL, fontes ouvidas pelo veículo local afirmaram que a jovem pediu demissão quando as imagens tinham sido publicadas na internet, ou seja, antes mesmo de ser interrogada sobre o acontecido.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos