Pimpão cita dívida do Botafogo e dirigente rebate: 'Virou moda ex-jogadores serem contra contratação de craques'

Um dos homens fortes do futebol do Botafogo, Ricardo Rotenberg usou o Twitter para criticar uma cobrança pública feita pelo atacante Rodrigo Pimpão, que até ano passado defendia o clube. O jogador, em entrevista à Fox Sports, disse que deixou o clube há seis meses e está "esperando até hoje para receber".

- Não acho legal o clube pensar em contratar grandes jogadores se não pagou quem trabalhou lá - disse Pimpão, referindo-se à vinda do japonês Honda e a mobilização por Yaya Touré e Obi Mikel.

Na rede social, Rotenberg, por sua vez, rebateu:

- Virou moda ex-jogadores serem contra a contratação de craques para o Botafogo.

Membro do comitê gestor do futebol alvinegro, ele foi interpelado por torcedores sobre a legitimidade da cobrança de Pimpão.

- Talvez seja porque o Botafogo deve salários a boa parte deles - escreveu um usuário chamado Jeferson.

Rotenberg recorreu à esperança por uma reformulação por meio da transição para o modelo empresarial, ainda incerto:

- Claro que deve. Serão pagos com a S/A.

Nosso objetivo é criar um local seguro e atraente para os usuários se conectarem a interesses e paixões. Para melhorar a experiência de nossa comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários dos artigos.