Pioneira na ioga para grávidas, Fadynha prepara volta às aulas presenciais

·2 min de leitura

RIO — Uma verdadeira fada, que, com sabedoria e carinho, auxilia mulheres grávidas a se prepararem para um parto tranquilo, humanizado e amoroso. Assim é Maria de Lurdes da Silva Teixeira, a Fadynha, a primeira doula do Brasil e criadora de um método de ioga próprio para gestantes. Em atividade desde 1978, ela já acompanhou mais de mil partos e atendeu mais de 13 mil alunas. Após quase dois anos de aulas virtuais, ela se programa para voltar a recebê-las em seu estúdio no Flamengo em janeiro.

— Vai ser um retorno respeitando todos os protocolos sanitários, com bastante cuidado, já que as gestantes são mais vulneráveis. A princípio, com apenas uma turma presencial — afirma Fadynha, que mora em Santa Teresa.

Ela seguirá dando aulas on-line, pelo Zoom, às terças e quintas, das 7h45m às 9h30m, das 17h às 18h45m e das 18h45m às 20h. Além dos exercícios práticos, os encontros têm uma parte teórica, em que ela fala sobre temas como cuidados com o bebê e com o próprio corpo, amamentação e parto.

Para a professora Cíntia de Carvalhaes, mãe de Elis, de 3 meses e meio, e aluna de Fadynha durante a gravidez, ela é como uma terapeuta e tem um “um valor inestimável”.

— Tive uma gestação e um parto saudáveis, não imagino como teria sido sem ela. O trabalho de formação de Fadynha me fez uma mãe segura e tranquila e devo tudo ao processo que ela ofereceu — diz a moradora do Humaitá.

Fadynha é autora de quatro livros sobre gestação e ainda oferece aulas de parto, voltadas para casais grávidos, em que fala sobre os tipos e as fases do trabalho de parto e dá dicas de exercícios, massagens e respiração para aliviar dores. O próximo encontro, pelo Zoom, está agendado para o dia 27 deste mês, às 9h. A inscrição custa R$ 453 para o casal.

No dia 4 de dezembro, às 9h, ela dará um curso de shantala (massagem para bebês), também on-line, por R$ 354 para o casal. E, quinzenalmente, aos sábados, às 17h, oferece as palestras virtuais gratuitas “Ocitocina em rede”, no canal youtube.com/Fadynha. Também no dia 27, ela conversará com a ginecologista e obstetra Mariana Ferraz sobre como evitar lacerações no períneo.

— Minha ideia é fazer com que as mulheres possam experimentar uma gravidez plena, relaxada e feliz — resume Fadynha.

SIGA O GLOBO-BAIRROS NO TWITTER (OGlobo_Bairros)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos