Pix: Novo meio de pagamentos poderá ser usado para pagar jogos de loteria

Gabriel Shinohara
·2 minuto de leitura

BRASÍLIA — A partir desta quinta-feira, quem quiser fazer jogos de loteria poderá pagar as taxas por meio do Pix, novo sistema de pagamentos instantâneos que começou a funcionar na última segunda-feira. Para isso, o Banco Central (BC) integrou as lotéricas entre as instituições habilitadas a receber os pagamentos instantâneos.

Com essa permissão, quem for em uma lotérica poderá pagar seus jogos de Mega-Sena, loteria esportiva e qualquer outro tipo de jogo por meio do Pix. A disponibilidade do pagamento vai depender das lotéricas estarem preparadas para receber o Pix.

O Banco Central vem anunciando novas funcionalidades para o recém inaugurado meio de pagamentos. Entre as novidades que estão na “agenda evolutiva” da autarquia, o saque Pix deve estar disponível no primeiro semestre de 2021. O parcelamento de compras também deve ser disponibilizado em breve.

‘Ajustes pontuais’

Também nesta quinta-feira, o Banco Central aprovou um período de seis meses de “testes”. Nesse tempo, as instituições estarão isentas de aplicação de multa caso aconteça alguma operação errada caso tome medidas para evitar a reincidência do erro.

“Embora o Pix esteja funcionando plenamente, algumas acertos pontuais podem ser necessários a fim de melhorar a experiência do usuário. Como esses ajustes são normais para um sistema da complexidade e magnitude do Pix, determinados apontamentos podem não ser configurados como infrações”, disse em nota.

Entre as infrações previstas no regulamento estão o descumprimento dos níveis de serviço, como um tempo máximo de processamento superior ao estabelecido pelo BC e também a falta de cumprimento dos procedimento tecnológicos, operacionais e de segurança requeridos pelo Banco Central.

O Pix já passou por um período de testes, quando menos clientes estavam aptos a utilizar o meio de pagamentos, de duas semanas. Nesse período, as instituições financeiras puderam fazer ajustes nos seus processos para funcionar plenamente a partir do dia 3 de novembro.