Pix Saque: R$ 31,3 milhões foram sacados em junho

A somatória dos saques feitos por Pix Saque e Pix Troco em junho chega a R$ 31,3 milhões, o maior valor para um mês desde o lançamento da ferramenta no final de novembro do ano passado. Os dados foram divulgados nesta terça-feira pelo Banco Central (BC).

Entenda: Pix saque e Pix troco são alternativa ao caixa eletrônico

Adesão: Pix substitui caixas eletrônicos com saques em estabelecimentos e gera nova disputa entre bancos

Desse valor, R$ 31 milhões foram no Pix Saque e R$ 300 mil no Pix Troco. As modalidades permitem que as pessoas possam sacar dinheiro diretamente de lojas, como padarias e mercados, ou outros estabelecimentos por meio do Pix. No total, foram 226,1 mil transações

O Pix Saque funciona assim: o cliente faz um Pix para uma loja. A atendente, então, dá esse valor em dinheiro vivo ao consumidor, sem a necessidade que ele compre qualquer item.

No Pix Troco, o cliente faz uma compra com Pix, transferindo ao estabelecimento um valor maior que o preço do produto. A diferença entre o valor da mercadoria e o transferido é devolvida em dinheiro, como um troco.

O volume sacado vem aumentando mês após mês. Em dezembro, foram apenas R$ 438 mil, subiu para R$ 9,8 milhões em janeiro, R$ 19,3 milhões em março e R$ 26 milhões em maio.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos