Plataforma de vídeos Twitch sofre vazamento de dados

·1 minuto de leitura

BENGALURU, Índia (Reuters) - A plataforma de vídeos ao vivo da Amazon.com, Twitch, informou nesta quarta-feira que foi alvo de uma violação de dados, sem fornecer mais detalhes.

Um hacker alegou ter vazado dados da Twitch, incluindo informações relacionadas ao código-fonte da empresa, clientes e jogos não lançados, de acordo com o site Video Games Chronicle, o primeiro a noticiar a invasão.

A Twitch confirmou a violação e disse que suas "equipes estão trabalhando com urgência para entender a extensão" do ataque.

A empresa não quis comentar mais e disse que "atualizará a comunidade assim que informações adicionais estejam disponíveis". A Amazon não respondeu de imediato a um pedido de comentário.

O motivo do hacker foi "promover mais disrupção e competição no meio de exibição de vídeos online", de acordo com a reportagem do Video Games Chronicle.

Cerca de 125 gigabytes de dados vazaram, incluindo informações sobre os streamers de videogames mais bem pagos da Twitch desde 2019. Os valores incluem um pagamento de 9,6 milhões de dólares aos dubladores do popular jogo "Dungeons & Dragons" e 8,4 milhões de dólares ao canadense xQcOW, segundo a notícia.

"O vazamento da Twitch é real. Inclui uma quantidade significativa de dados pessoais", escreveu no Twitter o especialista em segurança cibernética Kevin Beaumont.

A Twitch, que tem mais de 30 milhões de visitantes diários em média, tem se tornado cada vez mais popular entre músicos e streamers de jogos, onde eles interagem com os usuários enquanto transmitem conteúdo ao vivo.

(Por Nivedita Balu)

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos