PM é perseguido e morto a tiros dentro de casa no Rio

O militar foi surpreendido ao parar o carro em frente à residência e foi morto na sala. (Foto: Reprodução/TV Globo)

O sargento da PM (Polícia Militar) José Eduardo Farias da Silva, 44 anos, foi morto dentro da sua casa, na cidade de Itaboraí, na região metropolitana do Rio de Janeiro, após ser abordado por homens encapuzados, no fim da tarde de terça-feira (16).

As informações são do portal G1.

De acordo com a Polícia Civil, o policial militar foi surpreendido pelos criminosos após parar o carro em frente à residência. Ele ainda conseguiu entrar na casa, mas foi perseguido e morto na sala. Os criminosos conseguiram fugir.

José Eduardo estava na PM do Rio há 21 anos, era lotado no Batalhão de Policiamento Rodoviário e estava de licença médica. Ele deixa esposa e dois filhos.

Para ajudar a localizar os assassinos, o Disque Denúncia divulgou um cartaz e oferece recompensa de R$ 5 mil que levem a identificação e localização dos envolvidos na morte.

Leia mais

Só neste ano, 15 policiais foram mortos no Rio de Janeiro. A morte do sargento é investigada pela Delegacia de Homicídios de Niterói, São Gonçalo e Itaboraí (DHNSGI).

Quem tiver informações sobre o crime, pode denunciar de forma anônima pelo Whatsapp ou Telegram do Portal dos Procurados, pelo telefone (21) 98849-6099; pela Central de Atendimento, no (21) 2253-1177; Facebook: www.facebook.com/procurados.org; Disque Denúncia: (21) 2253-1177; ou ainda aplicativo "Disque Denúncia".