PM prende eleitores de Lula que teriam se recusado e tirar bandeira do PT, em Jacareí (SP)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Polícia Militar prendeu neste domingo (30) ao menos quatro pessoas apoiadoras do PT após uma confusão no bairro Jardim Paraíso, em Jacareí (80 km de São Paulo).

Um vídeo publicado nas redes sociais mostrar o momento em que um homem de camiseta vermelha é rendido e algemado em frente a uma casa com bandeiras em apoio ao PT e ao ex-presidente Lula. Segundo internautas, ele seria morador da residência.

No vídeo, testemunhas que estão próximas da cena alegam abuso de autoridade por parte dos policiais e questionam se eles tinham mandado judicial, já que os agentes entraram na casa para retirar o morador.

Ainda segundo relatos na internet, a confusão teria sido motivada por questões políticas. Os policiais teriam ordenado que os donos da casa desligassem o som e tirassem a bandeira com o símbolo do partido no portão da residência, o que teria sido negado. A informação não foi confirmada pela polícia.

Os detidos foram encaminhados para o 1º Distrito Policial de Jacareí. Até as 17h30, o boletim de ocorrência ainda não tinha sido finalizado pela Polícia Civil.

A reportagem procurou a assessoria de imprensa da Polícia Militar, que informou que está apurando o ocorrido e que irá se manifestar por meio de nota.