PMs compram ar condicionado para jovem com paralisia cerebral no RJ

Reprodução/Facebook

Uma dupla de policiais mudou a vida de uma família no Rio de Janeiro. Após ficarem sabendo que um menino com paralisia cerebral estava tendo dificuldade para dormir devido ao calor de 40ºC na cidade, os oficiais decidiram comprar um ar condicionado e emocionaram os pais do garoto.

O sargento França Junior e o cabo W. Coutinho faziam uma patrulha pela orla quando pararam em uma loja de bijuterias. Nela, conversaram sobre o calor com o segurança Marcos Viana, morador de São Gonçalo, que perguntou como os dois lidavam com o calor usando a farda.

“Cara, de verdade, eu passo mal até dentro da piscina num calor desse. Odeio isso”, respondeu França. “É, eu também não gosto. Ainda mais porque eu tenho um filho com paralisia cerebral que não consegue dormir com esse calor. Ele fica se debatendo, não consegue descansar. Eu tenho que ficar abanando a noite inteira, para ver se alivio o calor”, contou Marcos.

O diálogo foi o gatilho para que os dois policiais e o segurança criassem um elo. Comovidos pela história de Viana, os dois policiais decidiram agir. “Quando eu ouvi ele falar aquilo, foi como uma facada no coração”, explicou França Junior em entrevista ao portal Uol.

No mesmo dia os dois foram até uma loja para comprar o aparelho. Antes, perguntaram se Marcos conseguiria arcar com a conta de luz e o segurança disse que sim, já que a casa tinha um ar condicionado, mas estava quebrado e sem previsão para conserto.

O aparelho foi entregue pelos policiais na semana passada. “Foi um ato maravilhoso e nós ficamos muito felizes. Hoje meu filho consegue dormir tranquilo, sem incômodos e está em uma paz danada”, comemorou Marcos.