Pochettino sonha com vaga de Southgate na Inglaterra

Mauricio Pochettino pode ser o técnico da Inglaterra após a Copa do Mundo do Catar. Foto: Tim Clayton/Corbis via Getty Images
Mauricio Pochettino pode ser o técnico da Inglaterra após a Copa do Mundo do Catar. Foto: Tim Clayton/Corbis via Getty Images

Mauricio Pochettino revelou que estaria “aberto” para suceder Gareth Southgate como técnico da Inglaterra poucos dias antes dos ingleses começarem sua campanha na Copa do Mundo.

O ex-técnico do Tottenham esteve em Wembley para assistir ao último amistoso da Inglaterra para a Copa do Mundo contra a Alemanha e está no Catar para assistir a algumas partidas.

Leia também:

O contrato de Southgate não expira até depois do Campeonato Europeu de 2024, mas seu futuro pode estar em dúvida se a Inglaterra não corresponder às expectativas no Catar.

O momento da declaração de Pochettino de que ele estaria aberto para treinar a Inglaterra colocará mais pressão sobre Southgate se as coisas não correrem conforme o planejado na Copa do Mundo.

A Inglaterra inicia sua campanha no Grupo B contra o Irã na próxima segunda-feira, antes dos jogos contra Estados Unidos e País de Gales.

O jornal inglês Telegraph Sport revelou anteriormente que o ex-técnico do Chelsea, Thomas Tuchel, estaria interessado em suceder Southgate, embora o alemão não tenha comentado publicamente sobre isso.

Pochettino é bem conhecido do diretor técnico da Football Association, John McDermott, que seria influente na escolha de qualquer sucessor de Southgate, tendo trabalhado de perto com ele no Tottenham.

Questionado em entrevista ao The Athletic se estaria interessado em treinar a Inglaterra, Pochettino disse: “Claro, meu relacionamento com a Inglaterra sempre foi muito bom. Temos um relacionamento muito bom com as academias, tentando desenvolver jovens jogadores para a seleção.

“Eu me sinto tão confortável aqui. Você nunca sabe o que acontece. Estou aberto a tudo.”

Além de McDermott, Pochettino seria um compromisso popular com o capitão da Inglaterra, Harry Kane. Os dois mantiveram contato próximo desde que trabalharam juntos no Tottenham.

Pochettino recusou uma abordagem do Aston Villa antes do clube de Midlands nomear Unai Emery e recebeu outras propostas de outros clubes da Inglaterra e do exterior.