Polícia apreende carga de carregadores de fuzil e pistola que seriam usados em guerra do tráfico

·1 min de leitura

RIO - A polícia apreendeu, na tarde desta sexta-feira, 110 carregadores de fuzil e pistola que seriam usados numa guerra entre quadrilhas rivais de traficantes na Zona Norte do Rio. Ao todo, 71 acessórios para fuzil e 39 para pistolas foram interceptados por agentes da Delegacia de Repressão aos Entorpecentes (DRE) num caminhão de uma empresa de transportes. A carga — cujo destino era uma favela dominada pela maior facção do tráfico do Rio — foi encaminhada para a sede da especializada, na Cidade da Polícia.

Covid-19:Paes diz que crianças não precisarão de receita médica para se vacinar no Rio

— Integrantes dessa facção estão utilizando empresas que atuam no ramo de transportes para receberem esse tipo de material utilizado, principalmente, em guerras contra grupos rivais — afirma Marcus Amim, delegado titular da DRE.

Segundo as investigações da especializada, os carregadores seriam utilizados numa disputa de território no bairro de Brás de Pina, na Zona Norte.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos