Polícia Civil deflagra nova operação na cracolândia

SÃO PAULO, SP - 27.05.2022 - OPERAÇÃO-CRACOLÂNDIA-SP - A Polícia Civil deflagrou na tarde desta sexta-feira (27) nova operação na cracolândia, que ocupa o quarteirão na esquina da Helvétia e da avenida São João, no centro de São Paulo. É a segunda ação desde a megaoperação que retirou usuários da praça Princesa Isabel e é investigada por suspeita de excessos. Na semana passada, os policiais esvaziaram a rua Doutor Frederico Steidel, no outro lado da avenida São João, onde o fluxo havia se instalado. De lá, a cracolândia se mudou para a rua Helvétia, no trecho próximo ao 77º DP (Campos Elísios), que concentra as investigações da operação Caronte, iniciada em abril do ano passado para prender traficantes que atuam na cracolândia. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)
SÃO PAULO, SP - 27.05.2022 - OPERAÇÃO-CRACOLÂNDIA-SP - A Polícia Civil deflagrou na tarde desta sexta-feira (27) nova operação na cracolândia, que ocupa o quarteirão na esquina da Helvétia e da avenida São João, no centro de São Paulo. É a segunda ação desde a megaoperação que retirou usuários da praça Princesa Isabel e é investigada por suspeita de excessos. Na semana passada, os policiais esvaziaram a rua Doutor Frederico Steidel, no outro lado da avenida São João, onde o fluxo havia se instalado. De lá, a cracolândia se mudou para a rua Helvétia, no trecho próximo ao 77º DP (Campos Elísios), que concentra as investigações da operação Caronte, iniciada em abril do ano passado para prender traficantes que atuam na cracolândia. (Foto: Danilo Verpa/Folhapress)

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) - A Polícia Civil deflagrou na tarde desta sexta-feira (27) nova operação na cracolândia, que ocupa o quarteirão na esquina da Helvétia e da avenida São João, no centro de São Paulo.

É a segunda ação desde a megaoperação que retirou usuários da praça Princesa Isabel e é investigada por suspeita de excessos. Na semana passada, os policiais esvaziaram a rua Doutor Frederico Steidel, no outro lado da avenida São João, onde o fluxo havia se instalado.

De lá, a cracolândia se mudou para a rua Helvétia, no trecho próximo ao 77º DP (Campos Elísios), que concentra as investigações da operação Caronte, iniciada em abril do ano passado para prender traficantes que atuam na cracolândia.

Segundo o delegado Severino Vasconcelos, as operações serão constantes. Entre uma operação e outra, o trabalho de inteligência da Polícia Civil identifica os traficantes para embasar os mandados de prisão expedidos em cada nova operação.

O tráfico de drogas se restabeleceu assim que acabou a ação policial que expulsou usuários de drogas da rua Doutor Frederico Steidel, no último dia 19. A aglomeração de usuários de drogas retomou rapidamente a rotina de antes das operações. Imagens registradas pelo jornal Folha de S.Paulo mostram que traficantes vendem pedras de crack, porções de maconha e pinos de cocaína em caixotes de madeira montados na rua.

Balanças de precisão e lâminas ocupam espaço nas barracas improvisadas ao lado dos pratos onde a droga é disposta.

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos