Polícia Civil identifica novo suspeito de planejar massacre em escola no RN. 'Matar todo mundo'

·1 minuto de leitura

RIO - A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), apreendeu nesta terça-feira um adolescente de 14 anos que planejava realizar um massacre em uma escola pública localizada no bairro da Glória, zona sul de Manaus. Ele seria um novo suspeito de planejar junto outros dois adolescentes, morador de Itumbiara (GO), e outro de de Campo Redondo (RN), ataque a uma escola do Rio Grande do Norte.

De acordo com as investigações, o ataque seria feito em uma escola pública da capital amazonense. O caso foi desvendado por meio de interceptações de conversas dos jovens em meios digitais, nas quais falavam de "sobre violência e atos de terrorismo".

- Esse trio estava arquitetando um atentado que ocorreria de forma simultânea em suas respectivas cidades. Eles inclusive chegaram a estudar massacres anteriores, como o de Columbine, ocorrido nos Estados Unidos; o de Suzano, em São Paulo; e o de Realengo, no Rio de Janeiro - disse a delegada Joyce Coelho, titular da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos