Polícia Civil prende dupla que roubava apartamentos na Zona Sul; acusados tentaram subornar os agentes com R$50 mil

RIO — A Polícia Civil prendeu, nesta segunda (2), dois homens acusados de arrombar e realizar furtos em dois apartamentos na Rua Visconde de Pirajá, em Ipanema. Os crimes aconteceram na noite do dia 24 de abril.

Identificados como Victor Lobo da Silva Neto e Ycaro Moraes Barbosa, os acusados irão responder pelos crimes de Associação Criminosa e Receptação. Victor também responderá pelo crime de Corrupção Ativa, já que ofereceu R$50 mil aos agentes como forma de subornar e evitar a prisão.

De acordo com o relato dos moradores, a dupla invadiu os apartamentos e roubou relógios, joias e outros objetos de valor. Após o registro da ocorrência, agentes do Grupo de Investigação Complentar (GIC) da 14ª DP (Leblon) solicitaram perícias técnicas e obtiveram imagens das câmeras de segurança da região.

Por meio das imagens, foram identificados três suspeitos e o carro utilizado no deslocamento da ação — um carro azul, da marca Honda, com placa clonada em nome de um morador do bairro de Copacabana. O veículo original estava estacionado no dia dos furtos.

Ao analisar o itinerário percorrido pelo carro clonado e os dados obtidos, a Subsecretaria de Inteligência da Polícia Civil, em apoio à 14ª DP, fez um cerco em pontos estratégicos do deslocamento do carro e chegou até a localização dele, no Bairro de Fátima.

Durante a abordagem, os agentes identificaram que Victor teve participação ativa no furto dos imóveis e era o motorista do carro. Ycaro era o carona, e já tinha um mandado de prisão por roubo.

A dupla já realizou inúmeros roubos e furtos e já cumpriram 9 e 10 anos de prisão pela prática de vários roubos e furtos a residência. O veículo usado para a prática do crime foi objeto de roubo em fevereiro de 2022, na circunscrição da 27ª DP (Vicente de Carvalho).

Nosso objetivo é criar um lugar seguro e atraente onde usuários possam se conectar uns com os outros baseados em interesses e paixões. Para melhorar a experiência de participantes da comunidade, estamos suspendendo temporariamente os comentários de artigos