Canadá apresentará esta semana projeto de lei para legalizar a maconha

Toronto (Canadá), 10 abr (EFE).- O governo do Canadá apresentará na próxima quinta-feira um projeto de lei para legalizar a distribuição e o consumo de maconha com fins recreativos em todo o país, informaram nesta segunda-feira veículos de imprensa locais.

Durante a campanha eleitoral que finalizou com a vitória do Partido Liberal em outubro de 2015, o atual premiê, Justin Trudeau, se comprometeu a legalizar a distribuição e o consumo de maconha.

Posteriormente, Trudeau disse que o consumo da droga seria legal em 2018.

A emissora pública de rádio e TV canadense, "CBC", indicou hoje que altos funcionários do governo de Trudeau confirmaram que o projeto de lei será apresentado no parlamento canadense na quinta-feira.

Segundo informações que vazaram para a imprensa, o projeto de lei estabelecerá a idade mínima para comprar maconha em 18 anos, mas os governos estaduais e territoriais do país poderão estipular limites mais elevados.

O projeto também permitirá o cultivo doméstico de uma quantidade limitada de plantas de cannabis e deixará nas mãos dos governos estaduais a decisão de como será o comércio e a distribuição de maconha em seu território.

A principal província do país, Ontario, está estudando a distribuição e o comércio de maconha através das mesmas lojas estaduais que têm o monopólio da venda de álcool ou por intermédio das farmácias. EFE