Polícia do DF recupera arma do GSI roubada por terroristas no Palácio do Planalto

A Polícia Militar do Distrito Federal informou ter recuperado uma das armas do Gabinete de Segurança Instucional (GSI) roubada por golpistas durante os ataques ao Palácio do Planalto no último domingo.

A arma do tipo Taser (que emite eletrochoques) foi encontrada em uma área verde no Eixo Monumental, região central de Brasília. De acordo com a assessoria da PM, a arma foi devolvida ao GSI.

No último domingo, terroristas bolsonaristas invadiram a sede dos três Poderes da República e destruíram o patrimônio público. Na ocasião, segundo o ministro da Secretaria de Comunicação da Presidência, Paulo Pimenta, os criminosos roubaram armas pertencentes ao GSI.

Diante da invasão e dos atos de vandalismo, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva decretou intervenção federal na segurança pública do DF. Lula afirmou ter visto negilência dos policiais militares que faziam a segurança da Esplanada dos Ministérios no dia. Manifestantes golpistas furaram as barreiras montadas sem qualquer dificuldade, enquanto agentes observavam e tiravam fotos.

Nesta terça-feira, o Senado aprovou o pedido de intervenção.