Polícia informa que tiroteio em escola no Tennessee deixou um morto

·1 minuto de leitura

Uma pessoa morreu e um policial ficou ferido nesta segunda-feira no tiroteio ocorrido em uma escola de Knoxsville, estado americano do Tennessee, anunciaram autoridades.

A polícia da cidade comunicou no Twitter que "várias vítimas de tiros" foram relatadas na Austin-East Magnet High School, antes de acrescentar, em comunicado lido na TV local, que um dos feridos havia morrido.

A polícia entrou em ação após relatos de que um homem poderia estar armado na escola. "Ao se aproximar do sujeito, tiros foram disparados. Um agente do Departamento de Polícia de Knoxville foi atingido ao menos uma vez e levado para o centro médico com ferimentos que não devem ser fatais", indica o comunicado. "Um homem foi declarado morto no local e outro foi detido para investigação. Não se tem conhecimento de outras pessoas baleadas."

"O prédio da escola foi cercado e os alunos que não estiveram envolvidos no incidente voltaram para suas famílias", tuitou Bob Thomas, superintendente de escolas do condado de Knox. Autoridades determinaram que os familiares se reúnam em um estádio de beisebol vizinho à escola.

A prefeita de Knoxville, Indya Kincannon, visitou o policial ferido no hospital e informou que ele estava consciente e de bom humor. "Minha mensagem é de que todos devemos trabalhar juntos para deter a violência." Já o governador do Tennessee, Bill Lee, expressou que a situação é "muito difícil e trágica".

Tiroteios em escolas têm sido um flagelo recorrente nos Estados Unidos desde o massacre de Columbine, Colorado, em abril de 1999. Denunciando uma "epidemia" de violência armada, o presidente Joe Biden divulgou na semana passada uma série de medidas para limitar a proliferação de armas de fogo no país.

jh/ec/mvv/jc/ic/lb