Polícia investiga abandono de cachorro na Zona Oeste; vídeo mostra animal atrás de carro que seria de seu dono

Um inquérito foi aberto pela Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) para investigar o vídeo de um cachorro seguindo o suposto carro de seu tutor após ser abandonado em Pedra de Guaratiba, Zona Oeste do Rio, que circulou nas redes sociais nesta terça-feira. Nas imagens, um motociclista morador da área acompanha o animal, que corre em meio ao trânsito para alcançar o veículo identificado por relatos como de seu dono.

Van envolvida: Parentes e amigos lamentam a morte de skatista de Santa Catarina após atropelamento em Ipanema

Recém-nascido em abrigo: Avós maternos vão pedir a guarda de bebê que nasceu no ônibus e de seus três irmãos

O caso foi denunciado pelo vereador Luiz Ramos Filho (PMN), presidente da comissão de Defesa dos Animais da Câmara. Segundo o parlamentar, chegam ao seu gabinete cerca de 300 denúncias de abandono por mês.

— É uma imagem muito triste ver esse cãozinho desesperado atrás do carro. Nós temos encaminhado aos órgãos competentes para quem possam apurar e punir. É preciso lembrar a essas pessoas que abandonar animais é crime. A gente precisa conscientizar a população para diminuir esse índice altíssimo de abandono — afirma.

Ele também aponta o aumento no número de casos de animais sendo deixados por conta do início das férias de verão.

— Agora na época das férias isso aumentou drasticamente. Então, vamos conscientizar as pessoas porque é muita maldade, é muita crueldade jogar e deixar os animais ao relento, à própria sorte — completa.

Em nota, a Polícia Civil afirma que o caso não foi registrado em uma unidade policial. Porém, a Delegacia de Proteção ao Meio Ambiente (DPMA) abriu um inquérito para investigar o caso e identificar o autor através do registro feito por um morador.